Visitas

O pôr do sol
Por tão só
Fez-se tal como a alvorada
E assim são dois o mesmo sol
Esse sol que era tão só
Tão só num pôr de sol
Que nasce e morre
No mar de sal
E só

E querem que só a lua tenha poesia
E dizem que só, a lua tem a poesia
A lua é a poesia do sol

Nenhum comentário:

Postar um comentário