Visitas

A musa exorta:
Abre a porta!
Que me importa
Se a paixão é morta...

Nenhum comentário:

Postar um comentário