Visitas

Quando compreendeu
Deixou de escrever
Faltou-lhe a vida
Que nunca compreendeu
Mas sempre escreveu

Nenhum comentário:

Postar um comentário