Visitas

E viu que secaram-se-lhe as lágrimas
E, desse modo, decidiu-se a ir embora
E foi como em vida viveu, por assim dizer
Porque secaram-lhes aos outros
Também qualquer lágrima ou afeto
Foi-se, pois, como veio:
A sós

Velaram-no entretanto
Muitas outras solidões
Ao ver que ninguém o pranteava
Decidiu o coveiro deixá-lo
Ao tempo e, de novo

A sós

Nenhum comentário:

Postar um comentário