Visitas

A faca
Na vaca
Derrama o sangue
No verde que rubro fica

A nuvem
No céu
Derrama a chuva
No árido que inundado torna

Você
Em mim
Derramam-se lágrimas
Nos corações que solitários morrem

Nenhum comentário:

Postar um comentário