Visitas

Pode ser o seu cabelo que me cobre
Ou pode ser a noite que me dorme
Essa escuridão...

Pode ser o beijo que me ama
Ou pode ser o sono que me cama
Esse torpor...

Pode ser vigília embriagada
Ou pode ser o sonho à madrugada
Essa visão...

Pode não ser o seu espectro
O vulto que me espia de perto

Mas bem que podia ser...


Nenhum comentário:

Postar um comentário