Visitas

... mas, e se você, por um instante
não estiver do outro lado?
Terei abandonado, delirante,
O caminho que nos deixa
à própria sorte, lado a lado...



Um comentário:

  1. Prezado António Corvo eu não sabia deste teu recôndito tão prazeroso e aconchegante onde expressa teu lado mais brilhante e também obscuro (?)... obscuro no sentido que há uma beleza no obscuro por ser face de equilíbrio com o brilho... gostei muito e meus parabéns... voltarei a visitá-lo.

    ResponderExcluir