Visitas

Beija-me e preserva os lábios
Criatura da noite impura
Pois sem eles não me é possível
Que uma vez mais te conjure


Nenhum comentário:

Postar um comentário