Visitas

Era um sorriso sério
Eu sei, não podias
O olhar me alertou

E também me chamou

Para mentir junto contigo
Eu, que também não podia

Talvez teu sorriso escape
Quando os lábios puderem beijar
Quando os braços possam abraçar

Quando as pernas puderem trançar
Quando as mãos possam tocar
Quando tudo isso sair do papel...


Nenhum comentário:

Postar um comentário