Visitas

Anoitece
E a tua sombra
Se perde entre tantas outras
Me perco sem a luz
Dos teus olhos
Farol

Sobram-me as estrelas
Pistas que piscam
Teu esconderijo
(ou é o meu?)

Guiam-me os beijos
Dos teus astros lábios
Carta celeste
Do amor que me deste

Nenhum comentário:

Postar um comentário