Visitas

À botica fui ligeiro
Doía-me o corpo inteiro
Dá cá um medicamento
Um unguento
- Ai, seu boticário
Que já não me aguento
Esquece o receituário! -
Contra o mal de amor
Que o teu beijo
Me passou


Eu podia aparecer
Do nada e perguntar
Mas já não mais interessa
A nenhum de nós
Tamanha foi a pressa
E a urgência
Com que depressa
Me deixaste
Com a incumbência
De esquecer-te
De ti e de nós