Visitas

Sou de palha
Espantalho
Pego fogo ligeiro
Não sobra nada
Nem fumaça
Nem o cheiro
Brinca de amor
Filho da puta
Pra ver se não te queimo inteiro

Nenhum comentário:

Postar um comentário